Categorias
Ervas Medicinais Naturopatia

HOMO SAPIENS

Na natureza podemos encontrar a cura de todos os males como eu sempre cito.

Todas as plantas tem todos os aspectos de cura: material/físico, emocional, mental e energético.

Mesmo que você passe na pele o óleo essencial de vetiver para cicatrizar uma ferida causada por um corte , ele vai cicatrizar a sua alma de uma ferida causada por uma dor de amor.

Mesmo que use o óleo essencial de gerânio para ficar com a pele mais bonita ou até mesmo como perfume floral, ele vai curar a sua relação com o seu feminino.

Mesmo que você tome um chá de lavanda apenas para dormir melhor, ele vai limpar a sua energia, lavar a alma e te elevar em frequência.

Mesmo que você use o hortelã apenas para dores de cabeça, ele proporciona abertura da sua mente e da visão limitada da vida.

Mesmo que você use um óleo essencial de laranja para emagrecer, ele te levará a um estado de alegria e entusiasmo pela vida.

Mesmo que você use o Patchouli (meu preferido) como afrodisíaco, ele vai te proporcionar maior segurança em tomadas de decisão, fortalecer seu idealismo e aumentar sua auto-estima a um nível inabalável!

Mesmo que você olhe apenas um aspecto da planta, ela generosamente te presenteia com todo o seu potencial e isso, ao longo de toda a história da humanidade.

Mesmo que você não preste a mínima atenção nela e até mesmo tenha atitudes que a destrua (em todos os aspectos), a natureza é resiliente e continua disponível para te servir.

Pri Guida

Categorias
Felicidade Naturopatia pensamentos

HOLISMO

Smuts (1880-1953), filósofo, general e estadista sul-africano. Destacou-se também como um dos pioneiros do movimento Apartheid. Desenvolveu o conceito de Holon, o todo e as partes. 

É Pierre Weill que afirma: “A visão Holística busca dissolver toda a espécie de reducionismo: o somático, o científico, o religioso, o niilista, o materialista ou substancialista, o mecanicista, o antropomórfico, entre outros.”

A visão holística, postulada desde 1980 pela psicóloga francesa Monique Thoening, é produto de um saber e experienciar o novo paradigma holístico.

Somos educados para a fragmentação, a unilateralidade de visão que na nossa cultura racional, denominamos especialização.

Estamos divididos, compartimentalizados, esfacelados.

É por essas divisões que estamos pagando.

A visão holística e integral é a nova consciência para a humanidade tornar-se mais humana.

O HOLISMO não é um amontoado de coisas juntas, muito menos um lugar onde se reúnem as coisas que não tem lugar para serem reunidas.

É uma relação de consciência da realidade. Não fragmentada, mas unificada pela dinâmica do interno e externo, da parte e do todo.

O todo é qualitativamente diferente que a soma das suas partes.

“Uma rosa é uma rosa; mas uma rosa que eu vi,

Não é mais uma rosa; mas uma rosa vista por mim;

Ela traz a marca que eu pus nela.”

(Fritz Perls)

A fragmentação inicia dentro, nos pares, em pequenos grupos, nas famílias, nas religiões, na política, nas culturas… pelo motivo de não aceitarmos que o outro , que é semelhante mas não é igual, pense diferente de nós.

Pri Guida

Referência: *Fragmentos de Cultura, Goiânia, v16, n.4, p 555-556, abr. 2006

Categorias
Florais

FLORAIS DE BACH

No coração da Inglaterra, cercado da natureza que tanto amava, Dr Edward bach, cientista e filósofo, aprimorou a obra de uma vida, obra esta que revolucionaria nosso conceito de saúde.
Edward Bach, célebre médico e homeopata, criou uma medicina única ao identificar as propriedades curadoras das flores e plantas com os seus Florais de Bach.

Filosofia simples, porém profunda. Bach reconheceu, como muitos hoje em dia, a importância da mente na manutenção da saúde e recuperação do paciente.

“Por trás da doença, encontramos medo, ansiedade, cobiça, aversão, entre outros sentimentos que podemos identificar para curar. A cura deles é a cura da doença que nos aflige.”

Bach percebeu que as emoções dos pacientes eram as causas das doenças e que tratar do seu bem estar era propiciar a sua recuperação.

“Trate do paciente, e não da doença.”

De 1930 a 1934, Dr Bach percorreu a Inglaterra e o País de Gales a procura de outras essências, após ter encontrado Mimulus e Impatiens e ter identificado uma melhora impressionante nos pacientes com determinadas características.

Ele identificou 38 emoções, sentimentos nocivos que os seres poderiam expressar e que eram comuns em grupos de pessoas.

Ao se instalar em Mount Vernon em 1934 já havia testado 19 essências de flores e lá descobriu mais 19 completando a série.

Nessa fase recorreu a Nelsons para que pudesse preparar a solução “stock” para poder ser utilizada pelas pessoas. Bah levou de Stwell a Londres as tinturas-mãe. Após 7 anos de pesquisa sua obra estava completa. Um ano depois, em 1936, faleceu enquanto dormia.

Ele pediu que sua obra se mantivesse pura, continuasse com simplicidade, direta e acessível ao público.

Pri Guida

Categorias
Felicidade Naturopatia

BEM ESTAR

O bem estar não é possível de ser medido, mas segundo Martin Seligman, considerado o pai da Psicologia Positiva, existem componentes que são passíveis de mensuração e que juntos promovem o bem estar e colaboram para o florescimento humano.

Nenhum elemento isoladamente define o bem estar, mas somados contribuem para que possa alcançar o ponto onde vai entender o porquê está onde está, o porquê aquele caminho e não este, o porquê ser quem você é hoje e não uma pessoa diferente.

Esses elementos são:

Emoção positiva (felicidade e satisfação com a vida são aspectos dela)
Engajamento
Relacionamentos (interpessoais, não somente amorosos)
Sentido
Realização

Alguns desses aspectos são avaliados subjetivamente e outros objetivamente.
O que sustenta esses pilares são as nossas virtudes e forças de caráter (que são 24 no total). Vou falar sobre cada uma delas, fiquem atentos aos próximos posts.

Muitos estudos são desenvolvidos nessa área da psicologia , que não se restringe a psicólogos! Pelo contrário, é uma ciência para todos os profissionais que trabalham com o ser humano e que acreditam que podemos medir, desenvolver, ampliar os potenciais do outro para seu florescimento e a construção de uma vida melhor . Ambiciosamente, um mundo melhor já que o indivíduo estará satisfeito e realizado.

As terapêuticas naturais, além de auxiliar na cura, também auxiliam para esse desenvolvimento humano e proporcionam autoconhecimento, centramento, equilíbrio, saúde, serenidade e muitos outros benefícios.

Unidas, as terapêuticas naturais e a Psicologia Positiva podem expandir os benefícios a todos. Podem ser aplicadas e estudadas por profissionais ou por cada um para a autoaplicação. Democratiza e faz entender que o profissional da saúde (como eu) pode auxiliar com ferramentas para o bem estar do outro, mas a cura e o florescimento são pessoais e intransferíveis! O profissional da saúde está a SERVIÇO do outro e a sua principal característica deve ser: SER HUMANO.

PRI GUIDA

Categorias
Ervas Medicinais Naturopatia

ERVAS ORGÂNICAS

Ervas orgânicas – Já citei em alguns outros textos sobre a importância de priorizar o uso de ervas orgânicas.

A planta possui uma defesa própria, que produz para conviver com predadores do ambiente em que vive.

Essa defesa da planta, explicando de forma bem básica, são os fitoquímicos que ela possui e que podemos nos beneficiar. Como o linalol na lavanda por exemplo.

O que acontece com as ervas que recebem defensores químicos, ou seja, agrotóxicos?
Ela produz muito menos fitoquímicos pois ela não precisa se defender do meio em que vive pois já recebeu os respectivos venenos.

Portanto, a planta não tem um resultado tão efetivo quanto a erva cultivada de forma orgânica.

Os chás que vendem nos mercados, aqueles de saquinhos que são um charme, são apenas águas cheirosas e muitas vezes recebem aromatizantes artificiais.

Enquanto, se você ferve uma água, desliga o fogo e adiciona menta piperita (hortelã) orgânica para a infusão e faz uma inalação próxima, até arde os olhos dos óleos voláteis liberados imediatamente. Além do veneno que está ingerindo com a planta não orgânica!

Se você nunca experimentou um chá de ervas aromáticas orgânicas nunca poderá comparar o poder da fitoterapia com nenhum outro tipo de tratamento.

Aconselho que experimente a ação de um chá de lavanda orgânica antes de dormir.

Depois me conte se não dormiu como um anjo!

Pri Guida

Categorias
Felicidade pensamentos

PROPÓSITO

“Existem dois momentos mais importantes da vida. O momento que você nasce, e o momento em que descobre o porquê nasceu.”

Mark Twain

Categorias
Ervas Medicinais Naturopatia

GIRASSOL

Helianthus annus – “flor do sol”

A planta é originária da região da América Central e foi levada à Europa pelos espanhóis em 1569 e hoje é cultivado em quase todo o mundo.

Evidências indicam que o girassol já existia na pré-história. Existem registros arqueológicos do cultivo dessa espécie em 3000 a.C.

É cultivado para fins da extração de seu óleo em mais de 20 milhões de hectares ao redor do mundo.

Está fortemente associada à fama, ao sucesso, longevidade, nutrição, poder e calor. Oferecer um girassol a uma pessoa que iniciou um negócio expressa o desejo de sucesso e de boa fortuna para essa pessoa.

Segundo uma crença popular, a semente do girassol, quando deixada ao sol, pode curar a infertilidade.

Na Hungria acredita-se que, se na casa onde mora mulher grávida forem colocadas sementes de girassol na janela, a criança que nascer será homem.

Na Espanha, quem tem 11 girassóis tem a sorte do seu lado.

A sua composição em especial tem em torno de 21% de ácido oléico e 62% de linoléico e essa característica garante que tenha propriedades altamente reguladoras para a pele de proteção, hidratação e restauração.🌻 🌻 Usado na alimentação e em associações com outros fitoterápicos e óleos essenciais para uso dermatológico. A tintura extraída das pétalas trata febres e resfriados, enxaquecas e nevralgias.

A sua flor acompanha todos os dias a trajetória do sol.
Os campos de girassóis fazem pararmos e olharmos para o lado lindo da vida.
E quando o tempo está nublado, as flores ficam frente a frente, umas às outras para encontrar a luz no outro.

Pri Guida

Categorias
pensamentos

HUMILDADE

Se hoje você acordou acreditando ser melhor do que qualquer outra pessoa,

porque você se esforçou mais,
porque se alimenta melhor,
porque estudou mais,
porque está mais limpo,
porque teve mais oportunidades,
porque frequenta lugares mais elitizados,

porque trabalhou a vida toda incansavelmente,
porque conhece muitas culturas,
porque sabe sobre filosofia,
porque tem mais consciência,
porque sabe administrar melhor seu dinheiro,

porque faz meditação todos os dias,
porque segue uma crença religiosamente,
porque é fiel,
ou porque sabe fazer um café mais saboroso…

Por qualquer motivo, se acordou se sentindo melhor que alguém,
Volte para sua cama, procure o ser humano que ficou ali em algum lugar, vista as sandálias de um morador de rua e percorra seu dia com esse calçado diferente, em caminhos diferentes.

Pri Guida

Categorias
pensamentos

PRUDÊNCIA

”Conhecer nosso ponto forte, a qualidade relevante, para cultivá-la e para aperfeiçoar as demais. Qualquer pessoa alcançaria proeminência em algo, se conhecesse seu ponto forte. Deves pois observar o teu e reforçar-lhe a aplicação. Em uns prevalece o discernimento e em outros, a coragem.
Quase todos violentam o próprio gênio, e por isso nunca são excelentes em coisa alguma; o que a paixão lisonjeia com presteza, o tempo desmente tarde.”

Gracián, A arte da prudência.

Categorias
Naturopatia Uncategorized

MINDFULNESS

Independente se você pratica a meditação através de uma religião, de uma cultura, filosofia de vida, de treinamentos em grupos ou individuais através de aplicativos. É favorável à vida.
Vamos falar sobre MINDFULNESS.

Vale lembrar que qualquer treinamento mental sem COMPAIXÃO e sem HUMANIZAÇÃO, pode ser até um treinamento mental para soldados que são enviados às guerras.
Como tudo na vida a RESILIÊNCIA que a meditação pode proporcionar também pode ter o viés negativo caso não tenha AMOR envolvido na prática.

A respiração existe enquanto existirmos. Ter consciência dela e pensar que ela possa ser uma boa troca entre você e o mundo é um despertar.
A resposta de transformar uma respiração em equilíbrio, em cura e em consciência é uma forma de gratidão a vida.

A meditação pode nos proporcionar maior capacidade de discernimento, maior atenção e presença.

Uma prática que já exercitava e recentemente entendi a sua relevância é a “Pausa Transicional”.

Olhe para o seu dia, como ele inicia e o seu andamento. As atividades que realiza tem a tendência de se acumular.

Por exemplo: chega no trabalho e já é recebido com um “pepino” 🥒para resolver. Em seguida é convocado para uma reunião urgente e te entregam um “abacaxi” 🍍para descascar. A sensação qual é ao final do dia com toda aquela salada nas mãos? De exaustão na maioria das vezes. Enfatizando que isso acontece também no dia a dia de alguém que trabalha apenas em casa (com atividades remuneradas ou não).

A PAUSA TRANSICIONAL consiste em desenvolver uma prática consciente onde paramos alguns segundos, respiramos e não levamos o acontecido na sala de reuniões para casa ao final do dia. Paramos a cada transição e os acontecimentos não se acumulam ao longo do dia. Uma prática simples mas que tem alcances inimagináveis na qualidade de vida de quem o faz. 🌿
Inicie apenas respirando profundamente 3 vezes após cada atividade. Fracione o dia em muitas atividades. A cada uma delas, respire. Tenha consciência do que aconteceu há minutos atrás e se prepare para o que vai realizar em seguida. Ciente de que não se resolverá tudo no momento que você deseja e que é inútil trazer os problemas todos nas mãos o tempo todo.

O cérebro usa 20% da energia do corpo, o mindfulness nos permite descartar os pensamentos desnecessários e economizar energia, evitar o desgaste.

“A meditação mindfulness não traz felicidade, mas prepara a pessoa para ter maior resiliência frente a dor e a ansiedade. Permite ao indivíduo ficar bem mesmo quando as coisas não vão bem.” Tamara Russel

Pri Guida