A vida em sociedade segundo La Bruyère

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

“Um homem na moda dura pouco, pois as modas passam. Se por acaso ele for homem de mérito, não é anulado e subsiste ainda por algum aspecto: imparcialmente estimável, torna-se apenas menos estimado.

A virtude tem a vantagem de bastar a si mesma e saber passar sem admiradores, partidários e protetores; a falta de apoio e de aprovação não apenas não prejudica como a preserva, depura e torna perfeita; quer esteja na moda ou não o esteja mais, permanece virtude.”

La Bruyère , Os caracteres

 

“Un uomo di moda ha vita breve, perché le mode passano. Se per caso è un uomo di merito, non è annullato e sussiste ancora per qualche aspetto: imparzialmente stimabile, diventa solo meno stimato.

La virtù ha il vantaggio di essere autosufficiente e capace di passare senza ammiratori, partigiani e protettori; la mancanza di sostegno e approvazione non solo non pregiudica il modo in cui preserva, purifica e rende perfetti; che sia di moda o no, rimane virtù. “

La Bruyère, I personaggi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *