Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Para dar continuidade as plantas do vaso de sete ervas, uma pesquisa extensa em artigos científicos sobre a comigo ninguém podemos concluir que é uma planta apesar de muito usada como ornamental e para proteção de energias negativas é uma planta altamente tóxica.

Um dos estudos, apresentado no 42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA em Curitiba – PR em 2015 cita que as plantas do gênero Dieffenbachia apresentam diversos princípios ativos na sua constituição, entre eles, os cristais de oxalato de cálcio solúveis e insolúveis. Os cristais de oxalato de cálcio solúveis tendem a provocar injúria renal e hipocalcemia, enquanto que os insolúveis causam efeitos locais, em especial no trato gastrintestinal, devido impedir a formação do ácido oxálico, o qual funciona prevenindo hemorragias (Lazzeri, 1977; Silva; Takemura, 2006). Saponinas presentes na planta são princípios ativos tóxicos que causam dermatite, sinais digestivos, entre outros, tais como anorexia, sialorréia, dispnéia e convulsões (Amstutz, 2008), além de atuarem a nível hepático, podendo causar alterações funcionais (Melo et al., 2008).

“No Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto é a principal responsável pelos casos de internação por intoxicação (Oliveira et al., 2003). As intoxicações acometem principalmente crianças e animais domésticos e ocorrem por ingestão ou contato de mucosas, pele e olhos com partes lesionadas da planta. Sua toxicidade é conhecida há muito tempo. Documentos do julgamento do Tribunal de Nurenberg mostram que os nazistas utilizavam o extrato aquoso da planta em pessoas reclusas em campos de concentração, a fim de esterilizá-las; e que os escravos jamaicanos eram punidos pelos “senhores”, tendo partes da planta esfregadas em suas bocas (Gardner, 1994).” Estudo publicado na Revista Brasileira de Farmacognosia em 2006.

Um dos motivos de ser muito usada para interiores é a característica de ser mais favorável a ambientes de sombra, internos. Porém existe alto índice de intoxicação em crianças e animais.

Enquanto uma planta tal qual o lírio da paz que também é ornamental e se adapta bem em ambientes internos é purificador físico de toxinas , pode ser uma melhor opção tanto para segurança quanto para a limpeza das energias negativas.

Quando optamos escolher uma planta devido ao seu benefício energético deve-se levar em consideração seus aspectos gerais (físicos, emocionais, mentais e energéticos) pois o equilíbrio nas escolhas nos leva sempre à melhor opção.

Pri Guida

 

Per continuare i piani di sette erbe nave, ricerche approfondite in articoli scientifici su di me non si può concludere che si tratta di una pianta, anche se ampiamente usato come una protezione di energia ornamentali e negativa è una pianta altamente tossica.

Uno degli studi, presentato al 42 ° Congresso Bras. di Medicina Veterinaria e 1 ° Congresso brasiliano sud di Anclivepa a Curitiba – PR nel 2015 menziona che le piante genere Dieffenbachia hanno diversi principi attivi nella sua costituzione, tra cui, cristalli di ossalato di calcio solubili e insolubili. I cristalli di ossalato di calcio solubile tendono a causare danno renale ed ipocalcemia, mentre gli effetti insolubili causa locale, in particolare il tratto gastrointestinale, perché impedisce la formazione di acido ossalico, quali funzioni impedendo sanguinamento (Lazzeri, 1977; Silva, Takemura , 2006). Saponine presenti nei principi vegetali che causa dermatiti, segnali digestivi, e altri quali anoressia, aumento della salivazione, dispnea, e convulsioni (Amstutz, 2008), e agiscono nel fegato, possono provocare cambiamenti funzionali attivi tossici (Melo et al. 2008).

“In ospedale del Ribeirão Preto è clinica principalmente responsabile per i casi di ospedalizzazione per intossicazione (Oliveira et al., 2003). Avvelenamento colpiscono soprattutto i bambini e gli animali domestici e si verificano da ingestione o contatto con le mucose, la pelle e gli occhi con le parti danneggiate della pianta. La sua tossicità è nota da molto tempo. giudizio Mostra documenti Nurenberg Corte secondo la quale i nazisti utilizzato l’estratto acquoso della pianta nelle persone solitari nei campi di concentramento, al fine di sterilizzarli; e che gli schiavi giamaicani sono stati puniti dai “maestri”, con parti della pianta strofinato in bocca (Gardner, 1994). “Uno studio pubblicato sul Journal of Farmacognosia nel 2006.

Uno dei motivi per cui viene ampiamente utilizzato per gli interni è la caratteristica di essere più adatta agli ambienti interni e ombreggiati. Tuttavia, vi è un alto tasso di intossicazione nei bambini e negli animali.

Mentre un impianto come il giglio di pace (Spathiphyllum wallisii) che è anche ornamentali e si adatta bene in casa è la pulizia fisica delle tossine, può essere una scelta migliore sia per la sicurezza e per la pulizia di energie negative.

Quando scegliamo di scegliere una pianta a causa della sua benefici dell’energia dovrebbe tener conto dei suoi aspetti generali (fisico, emotivo, mentale ed energia) perché l’equilibrio nelle scelte che porta sempre a l’opzione migliore.

Pri Guida

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *